A Prefeitura de Florianópolis divulgou nesta segunda-feira (20/06) os números de adesão de servidores municipais à greve do Sintrasem. Apesar da determinação judicial de restabelecimento integral das atividades, cerca de 16% dos profissionais da educação e da saúde faltaram ao trabalho.

Nessa segunda-feira (20/06),  a Prefeitura fez uma nova proposta de acordo, que foi recusada pelo sindicato. Grevistas protestaram em frente a um dos prédios da Prefeitura no final da tarde, mas dispersaram sem incidentes.


Saúde: No geral a adesão ficou em 15,7%, com percentual bem menor nas Policlínicas (7%). O SAMU e as UPAS não aderiram ao movimento grevista. 


Educação: Na educação, 16,4% estão em greve.

Na avaliação da administração municipal, o senso de responsabilidade e o espírito público predominaram entre os servidores.

Em nova assembleia geral nessa segunda-feira (20/06), os grevistas ligados ao Sintrasem decidiram manter a paralisação por tempo indeterminado. 

Fonte: PMF

Fotos: divulgação/Sintrasem

Deixe seu Comentário